Escolha uma Página
Farinha de Mandioca Orgânica Torrada – Biorgânica – 1Kg

Farinha de Mandioca Orgânica Torrada – Biorgânica – 1Kg

R$ 17,00

Em estoque

Descrição

Farinha de Mandioca Orgânica Torrada

Origem:

América do Sul.

Características:

A mandioca (Manihot esculenta) é também chamada de macaxeira, aipim, kappa ou kizhangu, dependendo da região. Trata-se de uma planta arbustiva que pode chegar a uma altura de 3 m, com folhas palmadas, que atingem a cor roxa ao verde. A raiz, que é a parte mais consumida, costuma ter de 30 a 90 cm de comprimento. A mandioca é um alimento muito saboroso e muito presente na dieta de culturas diversas, no entanto não é recomendável a ingestão dela crua, por conta da presença do ácido cianídrico. É um alimento bastante energético, contém vitaminas do complexo B e sais minerais, como fósforo, cálcio e ferro, essenciais estruturação do organismo, como os ossos e o sangue.  Contém triptofano, que auxilia na produção de serotonina, hormônio do bem-estar.

A partir do processamento da raiz da mandioca se obtém a sua farinha, transformação natural e saudável. O produto que não contém glúten, sendo assim uma solução para os celíacos substituir a farinha de trigo comum pela de mandioca. Contudo, ela possui altos índices glicêmicos, o que faz com que os diabéticos tenham de ficar atentos.

Na culinária, a farinha de mandioca tem uma série de possibilidades de uso, ela é mais densa e com sabor terroso e de nozes, porém, mais neutro e brando, se comparado a outras farinhas sem glúten.

Uso culinário:

É uma farinha de mesa, ideal para ser utilizada como farofa, acompanhando carnes, grãos, legumes e cozidos em geral.

História/Curiosidades:

A mandioca é de tradição alimentar indígena, muito antiga, com ela produzem farinha e bebida alcoólica, além de outros produtos. Consumem-na misturada a carnes, legumes e frutas. Também, após a vinda dos europeus ao continente americano, no Brasil, entre os séculos XVI e XIX, a base alimentar dos habitantes que aqui havia (não só indígenas) ainda era a mandioca.

Há lenda indígena que explica a origem da mandioca, nela, uma índia tupi teria dado à luz a uma menina de pele muito branca. A pequena indiazinha se chamava Mani e era muito amada pela tribo, contudo, um dia ela caiu doente e, apesar dos esforços, ela acabou morrendo. Como o costume da tribo determinava, Mani foi enterrada no interior da oca e regada com água e lágrimas. No lugar onde Mani foi enterrada nasceu uma planta cuja raiz era marrom por fora e branca por dentro.

Informação adicional

Peso1.03 kg
Dimensões20 × 15 × 8 cm
Open chat