0 Ítens

Subtotal: R$ 0,00


Nenhum produto no carrinho.

Escolha uma Página

Alcachofra – Zip Pouch – 500g

R$ 95,00

Apenas 1 em estoque

REF: ED0011104 Categorias: ,
Alcachofra

Origem:

A alcachofra (Cynara scolymus) é procedente da região sul do Mar Mediterrâneo, mais provavelmente do Magrebe, na África. É um parente muito próximo do cardo comum, do qual procede, tendo sido aprimorado para consumo humano por muitos anos de cultivo.Existem indícios da planta em estado natural na Tunísia. Os antigos egípcios a conheciam, assim como os gregos, que introduziram o cultivo na Sicília e na Magna Grécia.

Características: Este vegetal cresce entre 1,4-2 m de altura, com folhas arqueadas, prateadas e verdes de 50-82 cm de comprimento. As flores se desenvolvem em uma cabeça grande de um broto comestível de cerca de 8-15 cm de diâmetro com numerosas escalas triangulares; os flósculos individuais são roxos. As porções comestíveis dos brotos consistem principalmente nas partes inferiores carnudas das brácteas involucrais e a base, conhecida como "coração". A massa de floretes imaturos no centro do broto é chamada de "estrangulamento" ou barba. Ao se transformar em flor aberta endurecem as brácteas e não podem mais ser aproveitadas para consumo. A hortaliça possui boas quantidades de vitamina A, C e sais minerais, como o ferro, o cálcio e o fósforo. Uso culinário: As alcachofras de globo grande são frequentemente preparadas removendo tudo menos 5-10 mm ou mais do caule. Para remover espinhos, o que pode interferir com o consumo, cerca de um quarto de cada escala pode ser cortada. Para cozinhar, a alcachofra é fervida ou cozida no vapor. Uma alcachofra cozida e não temperada tem um sabor delicado, reminiscente de clara de ovo frita. O núcleo do caule tem um sabor semelhante ao da alcachofra e é comestível.  As alcachofras também podem ser feitas em um chá de ervas. O "chá de alcachofra" é produzido como um produto comercial na região Da Lat do Vietnã. Um chá de ervas à base de alcachofra também é produzido na Romênia e é chamado Ceai de Anghinare. A porção de flor é colocada na água e consumida como um chá de ervas, chamado alcachofa no México. Tem um sabor ligeiramente amargo e arborizado. História/Curiosidades: Plínio, o Velho, mencionou o crescimento de 'carduus' em Cartago e Córdoba. No norte da África, onde ainda se encontra no estado selvagem, as sementes de alcachofras, provavelmente cultivadas, foram encontradas durante a escavação do período romano Mons Claudianus no Egito. Variedades de alcachofras foram cultivadas na Sicília, começando no período clássico dos gregos antigos; Os gregos os chamam de kaktos. Nesse período, os gregos comiam as folhas e as cabeças de flores, cujo cultivo já havia melhorado da forma selvagem. Os romanos chamaram o carduus vegetal (daí o cardão conhecido). Uma melhoria adicional na forma cultivada parece ter ocorrido no período medieval na Espanha muçulmana e no Magrebe, embora a evidência seja apenas inferencial. Os holandeses introduziram alcachofras na Inglaterra, onde cresceram no jardim de Henry VIII em Newhall em 1530. Eles foram levados para os Estados Unidos no século 19 - para Louisiana por imigrantes franceses e na Califórnia por imigrantes espanhóis. No Brasil, a cultura da alcachofra ainda não tem expressão e pesquisas sobre esta espécie são raras.  

Informação adicional

Peso 0.52 kg
Dimensões 20 × 11 × 10 cm

Categorias de produto

WhatsApp chat